Sem liberdade

Imagem tirada de um site de vendas de gaiolas: http://www.birdcagecentral.com/grande-dometop.htm

Um pássaro em verde e amarelo está preso em uma gaiola
Até que seu dono lhe mostra um cutelo e uma pistola

O sangue que flui no corpo, orgulhoso do carmesim
Exigindo um prisioneiro, seguindo instintos assim

Lugar de silêncio, sombras em movimento
Sem nenhum desdenho, num futuro tingido pelo sangue fresco

A vida arrogante está sentindo o gosto da solidão e da eternidade
Deixe de molho o desejo que se espalha pelo corpo de verdade

 Gotas vermelhas sobre meus lábios gananciosos caem no chão congelado

Eu beijei pela última vez a pessoa que eu mais amo, num cenário enfeitado